terça-feira, 16 de julho de 2019

HC MAIA - TIAGO GARCIA É REFORÇO


HC Maia - Tiago Garcia é Reforço

O HC Maia confirmou hoje a contratação de Tiago Garcia, atleta que na época passada representou o USC Paredes.

Com esta contratação a equipa maiata vê assim encerrado o seu plantel no que diz respeito aos jogadores de campo, parecendo agora faltar apenas um guarda-redes para que o plantel fique completo para a próxima temporada.

Depois de confirmar a contratação de Francisco Santos e Tó Costa, e de ver regressar Hélder Fonseca,  Tiago Garcia torna-se assim o quarto reforço da equipa que irá ser orientada por Fernando Pinto.

Estando a baliza nas mãos de Daniel Lucas e Hélder Fonseca, o HC Maia procura agora uma outra solução para encerrar o seu plantel.

Fonte: HC Maia

sábado, 13 de julho de 2019

PORTUGAL E ARGENTINA - ANTEVISÃO DA FINAL


Portugal e Argentina - Final dos World Roller Games 2019

 Portugal e Argentina defrontam-se hoje na Final dos World Roller Games 2019. Inserida nos Roller Games, a Final do Campeonato do Mundo vai colocar, uma vez mais, argentinos e portugueses frente a frente em busca de um sonho.

Esta será a segunda final entre Portugal e Argentina, que, tal como vimos no artigo anterior, os sul americanos venceram Portugal por 5-1 no Mundial de 1995 disputado em Recife no Brasil. Contudo, esta será também a segunda final entre as duas selecções em 2019, dado que também se encontraram no Torneio das Nações em Montreux, tendo Portugal vencido por 5-3.

Será acima de tudo um encontro entre velhos conhecidos, dado que são inúmeras as ligações dos vários atletas das duas equipas. Não deixa mesmo de ser curioso que, durante este Mundial, a Argentina tenha por diversas vezes apresentado um cinco inicial todo ele composto por jogadores a atuar no nosso campeonato.

As duas seleções chegam a esta final depois de estarem inseridas no mesmo grupo, sendo que na altura o confronto entre ambas resultou num empate a 1-1, num jogo em que Portugal fez um jogo muito positivo mas que acabou por não conseguir vencer.

Depois das sofridas vitórias frente a Itália e Espanha, Portugal chega com uma ambição renovada a este final, tendo para já conseguido conquistar algo que pode vir a ser fundamental: a união do grupo. Foi com essa união que foi possível recuperar por duas vezes a desvantagem frente à Itália e obter um excelente resultado perante a atual campeã do Mundo, Espanha.

Perante mais um marco histórico no hóquei português, o OK Porto foi à procura da opinião daqueles que diariamente acompanham a modalidade para sabermos o que esperam do jogo de hoje:

Miguel Bastos - Hóquei Minhoto
'É uma final em que Portugal pretende quebrar os 16 anos de jejum quem vem de Oliveira de Azeméis desde 2003.

Penso que a nossa seleção tem condições para conquistar o troféu, mas terá de contar com uma Argentina muito experiente e que tem nas suas fileiras vários jogadores que atuam no nosso campeonato. Vai ser uma final em que não se pode atribuir o favoritismo a nenhuma das seleções. A Argentina poderá na teoria ter alguma vantagem porque não foi obrigada a desgastar-se tanto no acesso à final. Portugal fez dois prolongamentos e isso pode fisicamente ter alguma influencia.



Mas acredito no valor da nossa seleção. A raça, a união pode funcionar para superar todas as dificuldades.'
António Anacleto - Colaborador HoqueiPatins.pt
'Amanhã espero um jogo em que se vão defrontar duas equipas de Hóquei idêntico mas penso que aquilo que tenho visto Portugal está super motivada depois de ter deitado por terra a Campeã Mundial num jogo em que Portugal mereceu a vitória. Não querendo individualizar mas toda a equipa está unida mas se me for permitido destacaria o Gigante Girão e a surpresa Jorge Silva que tem sido Enorme.. Ingredientes mas que suficientes para conseguir o título mundial que nos foge desde 2003.'
João Carlos - Diretor Desportivo do CRPF Lavra
'Espero um grande jogo desta final, estarão em rinque a maioria dos melhores executantes da modalidade. A Argentina é uma equipa que defende muito bem e sinceramente acho que as bolas paradas neste jogo vão fazer a diferença. É uma oportunidade para ambas as seleções conseguirem arrecadar um título que na maioria das últimas edições tem tido um único vencedor.


Portugal tem mostrado aquilo a que se chama fibra de campeão, esperemos que o consiga manter nesta final para no fim do jogo voltarmos a levantar o caneco que nos foge desde 2003.'

Sara Ferreira - Diretora ADB Campo
'Espero bem que Portugal ganhe. Acredito nisso. Se estiverem como estiverem ontem e se não formos prejudicados pela arbitragem, o título é nosso!'
Família Correia (Pais do Atleta Keven Correia da Seleção Francesa) 
'Amanha vamos assistir a uma grande final com duas equipas com muitas qualidades mas diferentes na abordagem ao jogo.
O percurso de ambas foi diferente, com a Argentina muito forte e que manteve a baliza sem golos nos quartos e nas meias finais. São também uma equipa com muita experiência.
Do lado de Portugal foram dois jogos dificeis mas que souberam superar com muita força mental e com boas defesas. E tal como a Argentina, Portugal tem um plantel muito experiente.
É preciso também não esquecer que já se defrontaram na fase de grupos e o jogo terminou empatado a 1-1.
Desejamos boa sorte às duas equipas e que vença o melhor!' 

António Lopes - AL Fotografia - Hóquei para Todos
'Julgo que vai ser um jogo muito emotivo, para mim Portugal vai defrontar na final a melhor equipa desta prova, por outro lado a Argentina se pretender levantar a taça tem que trabalhar muito para ultrapassar Portugal, se este jogar com o espírito de grupo que demonstrou na meia final. Estou certo que todos os que irão presenciar esta partida sairão satisfeito quanto a qualidade dos atletas presentes no rinque, já no que diz respeito ao vencedor como é normal só a um caberá levantar a taça, espero puder cantar o hino no rinque junto a Portugal.'

Carlos Araújo - Adepto Clube Infante Sagres
'Vai ser um jogo onde estarão frente a frente duas seleções compostas por vários jogadores dos melhores a nível mundial. Será sem dúvida um jogo extremamente equilibrado, mas penso que Portugal, após um dia de descanso para recuperar de dois jogos de um nível competitivo elevadíssimo, estará em perfeitas condições para vencer a Argentina e trazer o caneco para Portugal. Dois fatores poderão para mim ser fundamentais hoje. A enorme coesão e motivação do nosso grupo e o facto de a Argentina até ao momento, tirando o jogo contra nós na primeira fase, ter tido sujeita a um ritmo competitivo menos exigente. Mas esse facto como todos sabemos também pode ser contraproducente. Estou ciente de que conseguiremos ser Campeões do Mundo. Força Portugal '
 

Foto: António Lopes

PORTUGAL E ARGENTINA - HÁ CONTAS POR ACERTAR DESDE 1995


Portugal e Argentina - Um Duelo com Contas por Ajustar 

Portugal e Argentina defrontam-se amanha em Barcelona para a final do Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins. Com os dois países a conquistarem o acesso a esta final, viajamos agora no tempo para descobrir o único confronto entre as duas selecções em finais de mundiais.

Numa competição que se disputa desde 1936, na altura em Estugarda na Alemanha, Portugal é o segundo país com mais títulos conquistados. São 15 no total, superados apenas pelos 17 de Espanha. Já a Argentina é detentora de 5 títulos de campeão, entre os quais está um, precisamente frente a Portugal.


Decorria o ano de 1995 quando, na cidade de Recife no Brasil, se iniciava mais uma edição do Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins. Portugal chegava ao Brasil como campeão do Mundo, depois de ter conquistado em 1993, em Itália, mais um título. Já a Argentina, trazia desse mesmo Mundial um terceiro lugar.

Em Recife, Portugal viria a conseguir chegar à final depois de conseguir passar uma fase de grupos onde contou por vitória todos os jogos da fase de grupos. Argentina, Brasil, Angola, Holanda e Andorra foram os adversários derrotados pela nossa selecção.


Já os Argentinos, inseridos no mesmo grupo de Portugal, cederam apenas uma derrota, precisamente contra a nossa selecção, tendo vencido todos os restantes encontros deste Grupo A.

Chegava assim a fase final deste Mundial em Recife, com Portugal a conseguir um lugar categórico na final. Primeiro eliminando a Alemanha nos Quartos de Final e o Brasil, equipa da casa, nas Meias Finais, marcando assim encontro com a Argentina na final.


Por outro lado, a Argentina passa duas eliminatória muito complicadas, vencendo nos Quartos de Final a Itália e nas Meias Finais a Espanha, em dois jogos muito disputados.

Esperava-se por isso uma final de grande nível mas acabou por ser a Argentina a superiorizar-se a Portugal em grande estilo. Uma vitória por 5-1 deu à Argentina o seu 4º triunfo em Mundiais dos 5 que já conquistou. Nesta final, marcaram para a Argentina Salinas, Allende, Velásquez, Paez e Roldan enquanto que para Portugal marcou Rui Lopes.

Foi desta forma que a Argentina venceu Portugal em Recife, naquela que foi, até este ano, a única final do Mundial disputada entre os dois países. 

Amanha abre-se uma nova oportunidade de escrever história, altura em que Portugal e Argentina irão subir à pista do Palau Blaugrana, casa do Barcelona, para decidir quem será o campeão da edição de 2019 dos World Roller Games!

Foto: António Lopes
Dados: Wikipédida